No Spin Zone

Poison Hardy
Bom, mesmo lesionado irei escrever mais um artigo, a pedido de muito familias, e de muitos peeps que aguardavam este momento. Vamos lá a mais uma matança.
Hoje é mais um No Spin Zone.. Quente.
“The Factor begins, RIGHT NOW!”
É de prática comum a designação “mark”/”smark” nesta nossa comunidade, normalmente para avaliar as escolhas dos Wrestlers preferidos dos usuários da mesma. Até aqui tudo bem, e não vejo, de modo algum, ofensivo chamar mark a quem gosta de um Cena, Batista ou MVP e de chamar Smark, coisa que já me chamaram, por gostar de um heel como é o caso de Orton, Edge ou Big Show, basicamente os marks são os denominados infantis e os smarks os tipos do contra que apoiam quem a “máquina” não quer que sejam apoiados.

Eu normalmente nem sequer custumo explicar-me perante o leitor acerca do porquê desta ou aquela crónica, mas hoje decidi fazê-lo, irei falar de Jeff Hardy, o tal “Enigma”  que leva multidões ao delírio, só peço que não levem isto como um ataque a tanto “marks” como “smarks”.
Há mais de 15 anos atrás, o mais novo do Hardys, começa a sua carreira como profissional na companhia OMEGA, fundada pelo seu irmão mais velho, Matt, que consestia numa companhia local (na Carolina do Norte), com vários talentos promisores, como por exemplo Gregory Helms, Shannon Moore, Joey “Mercury” Matthews, Steve Corino ou mesmo Amy “Lita” Dumas. É aqui, na companhia do seu irmão que consegue a notoridade para chegar à WWF, como jobber, mas com apenas 16 anos(!). Estavamos em 94 quando Jeff tem o seu primeiro combate com Razor Ramon. A verdade é que o contracto com a WWF era o de jobber, ou seja, era contactado quando houvessem shows no estado da Carolina do Norte, a verdade é que Jeff queria mais que ser o saco de boxe das grandes vedetas da WWF, continua o seu percurso na OMEGA, onde consegue vários títulos, até ao seu encerramento em 1998, ano em que assina um contracto profissional com a empresa para a qual tantas vezes antes tinha perdido.
Jeff começa a treinar com Dory Funk Jr e meses após jobbar para os principais Wrestlers, consegue, em conjunto com o seu irmão Matt, vencer os World Tag Team Championship, aos Acolytes, mas o passo mais importante é quando se juntam a Gangrel e formam a nova The Brood, foi notório que Jeff era o mais talentoso do grupo que contava com o veterano Gangrel.
A stable durou pouco, mas serviu para que Vince McMahon percebesse que tinha ali um talento escondido.. O Enigma forma com o seu irmão e amiga de longa data, os Hardy Boys c/Lita e e postriormente a Team Extream, que desafiava a gravidade com os combates loucos que protagonizou com Edge e Christian e os Dudley Boys no início do novo século. 
Mas a WWE queria dar a Jeff mais e mais hipóteses, e faz dois com0bates, o primeiro em 2001, o segundo em 2002, que na minha opinião mudam por completo o “estatuto” de Jeff, a vitória contra Triple H pelo título Intercontinental e a derrota com Undertaker pelo “Undisputed Championship”.
O que aconteceu foi que os problemas com as drogas, a sua falta de empenho, o não aparecer nos shows semanais e ele sentir-se desgastado, fez com que as oportunidades dadas a Jeff nada valessem e foi dispensado pela companhia de Vincent Kennedy McMahon.
O percurso entre 2003 e 2006 é o seu regresso ao circuíto independente e a sua entrada na TNA, onde o agora “Charismatic Enigma” era um grande pretendente aos títulos da empresa de Orlando, Florida, mas como é custume, não passa de mais uma promessa, e em dois anos, e pós uma feud razoável com Jeff Jarrett, sai da empresa, rumo à WWE.
O regresso à WWE dá-se em Agosto de 2006 e consegue capturar o título Intercontinental em apenas um mês, enterrando Johnny (Morrison) Nitro e tendo uma boa feud com este, o trágico destes bons momentos é mesmo Hardy ter saido como vencedor desta feud que mais valia ter trazido o melhor de Nitro ao de cima que o oposto. O restante ano e até ao fim de 2007 é marcado pela reunião dos irmãos Hardy, onde conseguem o título de equipas e umas boas vendas (suponho) para a WWE.com.
Vamos então falar do que importa, de 2008 a 2009, os dois anos trágicos para qualquer pessoa que goste de bom Wrestling, como eu, tem assistido por parte de um autêntico Brian Pillman v2, mas sem metade do talento. É dada a chance a Jeff Hardy de entrar em cena como um verdadeiro pretendente ao título, inicialmente tem alguns problemas com um suposto “cansaço”, umas coisas que fumava a mais, uns shows que aparecia a menos e tudo misturado para o Chef Vince apreciar no belo caldeirão que é a WWE, especialmente se tal especialidade for cozinhada na cozinha premium, que conta com os assitentes, Stephanie McMahon Helmensly, John Laurinaitis, Kevin Dunn, ente outros. O resultado, e pelos rumores da não renovação de contracto por parte do senhor Hardy deu uma bela de uma azia num prato que se esperava de excelência, mas já la iremos.
Jeff Hardy consegue o título da WWE, no Armageddon, esse triste momento torna-se mesmo deplurável quando quem sofre o pin é Edge, os festejos são muitos, a criançada come mais pipocas que é custume e JR tenta vender aos fans que aquilo foi muito merecido e que a entrada do novo campeão é ao estilo de Kid Rock, essa vedeta, de forma a garantir credibilidade (risos) ao novo rosto da SD!.
E que grande credibilidade deram ao grande Jeff(!) um belo mês, vá mais 10 dias, de reinado como o campeão da WWE, foram bons momentos onde este levou com a pirotecnia na cara, foi atacado num suposto hotel e ainda bateu com o carro, combater é que nada, ou seja, e como disse no início, a WWE confiava imenso no talentoso.. Jeff e deu-lhe quase tempo de antena como deu a Hornswoggle e isso diz muito.
Os últimos desenvolvimentos deste Wrestler foram um belo combate de Wrestlemania, que perdeu, e consegue igualmente perder a feud com o irmão (atenção: as feuds não são ganhas por quem vence o último combate, mas sim por quem as domina no maior número de tempo, ou seja, Matt 1 – Jeff 0) e no seu combate com Edge, no Judgment Day, perde com um finisher secundário do campeão em título de pesos pesados da WWE.
Agora o que eu acho de isto tudo, para quem ainda não percebeu, especialmente para aqueles que acham que me põem furioso com os comentários como “Baza da CWO” ou o original “Não vales nada”, a todos vocês o meu obrigado e aqui vai, Jeff Hardy é um bluff, total absoluto, é um Wrestler com péssimas Mic Skills, que se aproveita de ter como fans base as criancinhas que obrigam os pais a sair de casa e perder os Lakers a darem uma abada aos Cavaliers ou mesmo as mães a não verem o último episódio do Gossip Girl, ou então, existem também os fans que se acham muito “cools” porque seguem o Jeff Hardy, porque este faz uns spots de tanga, quando comparados com um Shelton numa Mania ou um Morrison numa qualquer SD!.
Jeff Hardy estragou e estraga sempre as hipóteses, e são demasiadas, que as empresas para quem trabalha, ou devia trabalhar, lhe concedem anualmente. Este facto não dá para negar e se forem a ver Jeff é um Mid Carder, não passa disso, o que o safa são os miúdos que gritam por ele, por exemplo, se Tommy Dreamer tivesse esse apoio em vez do apoio do fan mais sério/adulto mentalmente, provávelmente teria um título à cintura, é um raciocínio lógico, basta pensarem um pouco.
E agora quero terminar por dizer, em especial aos fans do Jeff, que este não volta a ter um título mundial à cintura, NUNCA irá para o WWE Hall of Fame e que até 2011 não estará mais na WWE, bank on it.
Pergunta do dia: Jeff Hardy, King of the Extreme or King of the Overated ?
IC’s picks ——————————————————————–
Pior Wrestler da semana: Samoa Joe
Frase da semana: “Você é uma péssima jornalista e ignorante” – Marinho Pinto (para Manuela Moura Guedes)
Cronista da semana: Knuckles


The Millenium,

The Instant Classic

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: